AbcMed
Mastalgia1 significa dor nas mamas2, comumente encontrada nas mulheres, mas que também pode ocorrer nos homens. Acredita-se que esteja presente em até 69% das mulheres e é mais frequente entre as idades de 30 e 50 anos.
1 Mastalgia: Dor nas mamas. Costuma ser um distúrbio benigno em mulheres jovens devido a um desequilíbrio hormonal durante o ciclo menstrual. Mas, pode ter outras causas.
2 Mamas: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
   [Mais...]

Vida Saudável - 17/01/19
A eterna juventude, se fosse possível, provavelmente seria um objetivo universalmente perseguido. Como isso não é possível, o objetivo efetivamente perseguido tem sido o de retardar ao máximo os sinais1 de envelhecimento. À medida que a idade avança, as pessoas aceitam alguns desses pequenos sinais1, especialmente se forem paralelos ao envelhecimento cronológico. No entanto, para algumas pessoas, esses sinais1, sobretudo os que aparecem na pele2, são mais pronunciados e chegam mais cedo que o habitual.
1 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
2 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
   [Mais...]

Ortopedia e Saúde - 16/01/19
Politraumatismos ou traumas múltiplos são termos médicos que descrevem a condição de uma pessoa que foi submetida a múltiplas lesões1 traumáticas de diversas naturezas, as quais podem comprometer diversos órgãos e sistemas.
1 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
   [Mais...]

Ortopedia e Saúde - 15/01/19
A fratura1 é a quebra de um osso normal que acontece devido a algum impacto de grande energia. A “fratura espontânea” ocorre quando não há histórico de trauma significativo sobre um osso e costuma ocorrer por fragilidade ou insuficiência2 óssea devido a alguma patologia3 de base como a osteoporose4, por exemplo.
1 Fratura: Solução de continuidade de um osso. Em geral é produzida por um traumatismo, mesmo que possa ser produzida na ausência do mesmo (fratura patológica). Produz como sintomas dor, mobilidade anormal e ruídos (crepitação) na região afetada.
2 Insuficiência: Incapacidade de um órgão ou sistema para realizar adequadamente suas funções.Manifesta-se de diferentes formas segundo o órgão comprometido. Exemplos: insuficiência renal, hepática, cardíaca, respiratória.
3 Patologia: 1. Especialidade médica que estuda as doenças e as alterações que estas provocam no organismo. 2. Qualquer desvio anatômico e/ou fisiológico, em relação à normalidade, que constitua uma doença ou caracterize determinada doença. 3. Por extensão de sentido, é o desvio em relação ao que é próprio ou adequado ou em relação ao que é considerado como o estado normal de uma coisa inanimada ou imaterial.
4 Osteoporose: Doença óssea caracterizada pela diminuição da formação de matriz óssea que predispõe a pessoa a sofrer fraturas com traumatismos mínimos ou mesmo na ausência deles. É influenciada por hormônios, sendo comum nas mulheres pós-menopausa. A terapia de reposição hormonal, que administra estrógenos a mulheres que não mais o produzem, tem como um dos seus objetivos minimizar esta doença.
   [Mais...]

Existem diferenças significativas entre os termos médicos delírio1, delirium2 e delirium tremens3. Apesar da escrita parecida, esses termos precisam ser entendidos e diferenciados.
1 Delírio: Delirio é uma crença sem evidência, acompanhada de uma excepcional convicção irrefutável pelo argumento lógico. Ele se dá com plena lucidez de consciência e não há fatores orgânicos.
2 Delirium: Alteração aguda da consciência ou da lucidez mental, provocado por uma causa orgânica. O delirium tem causa orgânica e cessa se a causa orgânica cessar. Ele pode acontecer nos traumas cranianos, nas infecções etc. Os exemplos mais típicos são o delirium do alcoólatra crônico e o delirium febril.
3 Delirium tremens: Variedade de delírio associado ao consumo ou abstinência de álcool.
   [Mais...]

As urgências em psiquiatria podem ser definidas como qualquer mudança de natureza psíquica em que ocorram alterações agudas do estado mental, as quais resultam em risco significativo de morte ou injúria grave para o paciente ou para terceiros.   [Mais...]
A agressividade é uma forma de comportamento físico ou verbal em relação a outras pessoas, muitas vezes irritada e destrutiva, e destina-se a ser prejudicial, física ou emocionalmente. Pode surgir de impulsos inatos e/ou ser uma resposta à frustração, e pode também manifestar-se por atitudes ofensivas e destrutivas, por atitudes encobertas de hostilidade e obstrução ou por um saudável impulso à mestria.   [Mais...]
Saúde do Homem - 28/12/18
Fratura1 peniana é uma ocorrência rara que consiste na ruptura de uma ou ambas as túnicas albugíneas, que são coberturas fibrosas que envolvem os corpos cavernosos do pênis2. Às vezes, também inclui ruptura parcial ou completa da uretra3 ou lesão4 dos nervos, veias5 e artérias6 dorsais.
1 Fratura: Solução de continuidade de um osso. Em geral é produzida por um traumatismo, mesmo que possa ser produzida na ausência do mesmo (fratura patológica). Produz como sintomas dor, mobilidade anormal e ruídos (crepitação) na região afetada.
2 Pênis: Órgão reprodutor externo masculino. É composto por uma massa de tecido erétil encerrada em três compartimentos cilíndricos fibrosos. Dois destes compartimentos, os corpos cavernosos, ficam lado a lado ao longo da parte superior do órgão. O terceiro compartimento (na parte inferior), o corpo esponjoso, abriga a uretra.
3 Uretra: É um órgão túbulo-muscular que serve para eliminação da urina.
4 Lesão: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
5 Veias: Vasos sangüíneos que levam o sangue ao coração.
6 Artérias: Os vasos que transportam sangue para fora do coração.
   [Mais...]

Ortopedia e Saúde - 27/12/18
A fratura1 mandibular é uma fratura1 no osso da mandíbula2. Em cerca de 60% dos casos, a quebra ocorre em dois locais e pode resultar em dificuldade para abrir completamente a boca3.
1 Fratura: Solução de continuidade de um osso. Em geral é produzida por um traumatismo, mesmo que possa ser produzida na ausência do mesmo (fratura patológica). Produz como sintomas dor, mobilidade anormal e ruídos (crepitação) na região afetada.
2 Mandíbula: O maior (e o mais forte) osso da FACE; constitui o maxilar inferior, que sustenta os dentes inferiores. Sinônimos: Forame Mandibular; Forame Mentoniano; Sulco Miloióideo; Maxilar Inferior
3 Boca: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes
   [Mais...]

A fasciíte necrosante1 é uma infecção2 inflamatória bacteriana grave, rapidamente progressiva, que afeta as fáscias musculares e que resulta na necrose3 secundária dos tecidos subcutâneos, possuindo alto grau de mortalidade4.
1 Necrosante: Que necrosa ou que sofre gangrena; que provoca necrose, necrotizante.
2 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
3 Necrose: Conjunto de processos irreversíveis através dos quais se produz a degeneração celular seguida de morte da célula.
4 Mortalidade: A taxa de mortalidade ou coeficiente de mortalidade é um dado demográfico do número de óbitos, geralmente para cada mil habitantes em uma dada região, em um determinado período de tempo.
   [Mais...]

Mostrar: 10
1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - > - >>
1 a 10 (Total: 1798)
  • Entrar
  • Assinar
O AbcMed® é parte integrante da Plataforma HiDoctor® e é oferecido a você gratuitamente.