AbcMed  -  Saúde do Homem
Saúde do Homem - 16/04/18
O viagra é o citrato de sildenafila, usado no tratamento da disfunção erétil no homem, também chamada impotência1 sexual. O viagra tem a apresentação de comprimidos de cor azul niágara. O medicamento é pioneiro na moderna terapêutica2 da disfunção erétil masculina. Ele tem sido considerado como uma droga “milagrosa” quanto a seus objetivos e evidências substanciais confirmam essa afirmação.
1 Impotência: Incapacidade para ter ou manter a ereção para atividades sexuais. Também chamada de disfunção erétil.
2 Terapêutica: Terapia, tratamento de doentes.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 01/09/17
Infertilidade1 masculina é a dificuldade, mas não a impossibilidade total, de um homem se reproduzir, promovendo uma gravidez2 numa mulher sadia por meios naturais ou artificiais. Esterilidade3, por seu turno, implica a noção de incapacidade absoluta de promover a concepção4.
1 Infertilidade: Capacidade diminuída ou ausente de gerar uma prole. O termo não implica a completa inabilidade para ter filhos e não deve ser confundido com esterilidade. Os clínicos introduziram elementos físicos e temporais na definição. Infertilidade é, portanto, freqüentemente diagnosticada quando, após um ano de relações sexuais não protegidas, não ocorre a concepção.
2 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
3 Esterilidade: Incapacidade para conceber (ficar grávida) por meios naturais. Suas causas podem ser masculinas, femininas ou do casal.
4 Concepção: O início da gravidez.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 19/04/17
A ressecção endoscópica da próstata1, como o nome indica, é um procedimento que visa retirar fragmentos2 da próstata1 através da uretra3 por endoscopia4 e, portanto, sem cortes.
1 Próstata: Glândula que (nos machos) circunda o colo da BEXIGA e da URETRA. Secreta uma substância que liquefaz o sêmem coagulado. Está situada na cavidade pélvica (atrás da parte inferior da SÍNFISE PÚBICA, acima da camada profunda do ligamento triangular) e está assentada sobre o RETO.
2 Fragmentos: 1. Pedaço de coisa que se quebrou, cortou, rasgou etc. É parte de um todo; fração. 2. No sentido figurado, é o resto de uma obra literária ou artística cuja maior parte se perdeu ou foi destruída. Ou um trecho extraído de uma obra.
3 Uretra: É um órgão túbulo-muscular que serve para eliminação da urina.
4 Endoscopia: Método no qual se visualiza o interior de órgãos e cavidades corporais por meio de um instrumento óptico iluminado.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 11/04/17
Quando o mecanismo fisiológico1 da ejaculação2 normal falha em razão de doença, de cirurgia ou do uso de medicamentos, o esfíncter3 entre a uretra4 e a bexiga5 pode não se fechar corretamente e o sêmen6 pode fluir retrogradamente para a bexiga5, causando a ejaculação2 retardada ou mesmo ausência de ejaculação2.
1 Fisiológico: Relativo à fisiologia. A fisiologia é estudo das funções e do funcionamento normal dos seres vivos, especialmente dos processos físico-químicos que ocorrem nas células, tecidos, órgãos e sistemas dos seres vivos sadios.
2 Ejaculação: 1. Ato de ejacular. Expulsão vigorosa; forte derramamento (de líquido); jato. 2. Em fisiologia, emissão de esperma pela uretra no momento do orgasmo. 3. Por extensão de sentido, qualquer emissão. 4. No sentido figurado, fartura de palavras; arrazoado.
3 Esfíncter: Estrutura muscular que contorna um orifício ou canal natural, permitindo sua abertura ou fechamento, podendo ser constituído de fibras musculares lisas e/ou estriadas.
4 Uretra: É um órgão túbulo-muscular que serve para eliminação da urina.
5 Bexiga: Órgão cavitário, situado na cavidade pélvica, no qual é armazenada a urina, que é produzida pelos rins. É uma víscera oca caracterizada por sua distensibilidade. Tem a forma de pêra quando está vazia e a forma de bola quando está cheia.
6 Sêmen: Sêmen ou esperma. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O sêmen é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 17/02/16
Normalmente os testículos1 são formados no interior do abdômen e nos últimos meses da vida intrauterina migram (descem) para a bolsa escrotal, passando pelo canal inguinal2. Chama-se criptorquidia3 (do grego: cripto = caverna, esconderijo; orquis = testículo4) à situação em que um dos testículos1 ou ambos ficam retidos em algum ponto do trajeto que deveriam percorrer.
1 Testículos: Os testículos são as gônadas sexuais masculinas que produzem as células de fecundação ou espermatozóides. Nos mamíferos ocorrem aos pares e são protegidos fora do corpo por uma bolsa chamada escroto. Têm função de glândula produzindo hormônios masculinos.
2 Canal Inguinal: Passagem (na PAREDE ABDOMINAL anterior inferior) pela qual passam o CORDÃO ESPERMÁTICO (no homem), o LIGAMENTO REDONDO (na mulher), os nervos e os vasos. Sua extremidade interna localiza-se no anel inguinal profundo e a extremidade externa está no anel inguinal superficial.
3 Criptorquidia: 1. Falha na descida de testículo para o escroto, também conhecida como criptorquia.
4 Testículo: A gônada masculina contendo duas partes funcionais Sinônimos: Testículos
   [Mais...]

Saúde do Homem - 09/11/15
A ejaculação1 é o ato da descarga de esperma2 masculino (sêmen3), ás vezes explosiva, normalmente transportando espermatozoides4 a partir do trato reprodutivo masculino.
1 Ejaculação: 1. Ato de ejacular. Expulsão vigorosa; forte derramamento (de líquido); jato. 2. Em fisiologia, emissão de esperma pela uretra no momento do orgasmo. 3. Por extensão de sentido, qualquer emissão. 4. No sentido figurado, fartura de palavras; arrazoado.
2 Esperma: Esperma ou sêmen. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O esperma é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
3 Sêmen: Sêmen ou esperma. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O sêmen é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
4 Espermatozóides: Células reprodutivas masculinas.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 29/10/15
Polução noturna é definida como o derramamento involuntário de esperma1 durante o sono, sem preliminares, para os homens, e lubrificação vaginal, para as mulheres, acompanhada ou não de sonhos eróticos. Embora seja mais comum entre adolescentes e adultos jovens, ela pode acontecer também a homens ou mulheres casados e com vida sexual ativa e estável.
1 Esperma: Esperma ou sêmen. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O esperma é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 05/02/15
A doença de Peyronie é um distúrbio caracterizado pelo surgimento de cordões fibrosos no tecido conjuntivo1 do pênis2, causando nele uma curvatura anormal, quando em ereção3. Ocorre uma perda da capacidade de se distender um lado do pênis2, encurtando-o naquele lado e provocando o desvio.
1 Tecido conjuntivo: Tecido que sustenta e conecta outros tecidos. Consiste de CÉLULAS DO TECIDO CONJUNTIVO inseridas em uma grande quantidade de MATRIZ EXTRACELULAR.
2 Pênis: Órgão reprodutor externo masculino. É composto por uma massa de tecido erétil encerrada em três compartimentos cilíndricos fibrosos. Dois destes compartimentos, os corpos cavernosos, ficam lado a lado ao longo da parte superior do órgão. O terceiro compartimento (na parte inferior), o corpo esponjoso, abriga a uretra.
3 Ereção: 1. Ato ou efeito de erigir ou erguer. 2. Inauguração, criação. 3. Levantamento ou endurecimento do pênis.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 11/09/14
Azoospermia1 é a situação em que nenhum espermatozoide2 é detectado no sêmen3 ejaculado. Isto pode acontecer porque não há produção de espermatozoides4 pelos testículos5 ou porque há algum tipo de bloqueio do sistema de transporte do esperma6, o que impede os espermatozoides4 produzidos de chegarem ao exterior.
1 Azoospermia: Ausência de espermatozódes no líquido seminal.
2 Espermatozóide: Célula reprodutiva masculina.
3 Sêmen: Sêmen ou esperma. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O sêmen é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
4 Espermatozóides: Células reprodutivas masculinas.
5 Testículos: Os testículos são as gônadas sexuais masculinas que produzem as células de fecundação ou espermatozóides. Nos mamíferos ocorrem aos pares e são protegidos fora do corpo por uma bolsa chamada escroto. Têm função de glândula produzindo hormônios masculinos.
6 Esperma: Esperma ou sêmen. Líquido denso, gelatinoso, branco acinzentado e opaco, que contém espermatozoides e que serve para conduzi-los até o óvulo. O esperma é o líquido da ejaculação. Ele é composto de plasma seminal e espermatozoides. Este plasma contém nutrientes que alimentam e protegem os espermatozoides.
   [Mais...]

Saúde do Homem - 08/09/14
Balanite é uma inflamação1 da mucosa2 que reveste a cabeça3 do pênis4, acompanhada ou não de uma infecção5. Quando a pele6 que recobre a cabeça3 do pênis4 também é acometida, usa-se o termo balanopostite7.
1 Inflamação: Conjunto de processos que se desenvolvem em um tecido em resposta a uma agressão externa. Incluem fenômenos vasculares como vasodilatação, edema, desencadeamento da resposta imunológica, ativação do sistema de coagulação, etc.Quando se produz em um tecido superficial (pele, tecido celular subcutâneo) pode apresentar tumefação, aumento da temperatura local, coloração avermelhada e dor (tétrade de Celso, o cientista que primeiro descreveu as características clínicas da inflamação).
2 Mucosa: Tipo de membrana, umidificada por secreções glandulares, que recobre cavidades orgânicas em contato direto ou indireto com o meio exterior.
3 Cabeça:
4 Pênis: Órgão reprodutor externo masculino. É composto por uma massa de tecido erétil encerrada em três compartimentos cilíndricos fibrosos. Dois destes compartimentos, os corpos cavernosos, ficam lado a lado ao longo da parte superior do órgão. O terceiro compartimento (na parte inferior), o corpo esponjoso, abriga a uretra.
5 Infecção: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
6 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
7 Balanopostite: Inflamação da glande e do prepúcio. Produz dor e secreção de pus. Pode ser de origem traumática ou infecciosa.
   [Mais...]

Mostrar: 10
1 - 2 - 3 - 4 - >
1 a 10 (Total: 37)
  • Entrar
  • Assinar