AbcMed  -  Pele saudável
Pele saudável - 01/10/21
Nevo1 é um termo médico inespecífico para uma lesão2 circunscrita e crônica da pele3 ou da mucosa4. O termo procede da palavra nævus, que em latim significa “marca de nascença”. Entretanto, um nevo1 pode ser congênito5 (presente desde o nascimento) ou adquirido posteriormente. De maneira geral e mais popular, eles são referidos como manchas na pele3, sem distinção dos tipos específicos delas.
1 Nevo: Popularmente conhecido como ”pinta” ou sinal de nascença”. É uma mancha na pele que pode ser uma lesão plana ou elevada, pigmentada (de cor marrom, cinza, azul ou preto) ou não e pode apresentar potencial de malignização dependendo do tipo.
2 Lesão: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
3 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
4 Mucosa: Tipo de membrana, umidificada por secreções glandulares, que recobre cavidades orgânicas em contato direto ou indireto com o meio exterior.
5 Congênito: 1. Em biologia, o que é característico do indivíduo desde o nascimento ou antes do nascimento; conato. 2. Que se manifesta espontaneamente; inato, natural, infuso. 3. Que combina bem com; apropriado, adequado. 4. Em termos jurídicos, é o que foi adquirido durante a vida fetal ou embrionária; nascido com o indivíduo. Por exemplo, um defeito congênito.
   [Mais...]

Pele saudável - 24/09/21
A pele1 viçosa e rósea de um bebê saudável não vai durar pela vida toda. Do nascimento à morte ela passará por mudanças contínuas, muitas delas degenerativas2, causadas pelo processo natural do envelhecimento e por agressões exteriores. Assim, a aparência das pessoas mudará durante a vida. A qualidade do envelhecimento da pele1 está relacionada diretamente com a qualidade de vida de cada pessoa. Há um processo de envelhecimento intrínseco e natural da pele1, e outro extrínseco, dependente do ambiente.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Degenerativas: Relativas a ou que provocam degeneração.
   [Mais...]

Pele saudável - 23/09/21
As micoses superficiais da pele1 e de seus anexos2 são infecções3 que podem atingir a pele1, as unhas4 e os cabelos. Os tipos principais de micoses superficiais da pele1 e seus anexos2 são Pitiríase Versicolor, Tineas, Candidíase5 e Onicomicoses.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Anexos: 1. Que se anexa ou anexou, apenso. 2. Contíguo, adjacente, correlacionado. 3. Coisa ou parte que está ligada a outra considerada como principal. 4. Em anatomia geral, parte acessória de um órgão ou de uma estrutura principal. 5. Em informática, arquivo anexado a uma mensagem eletrônica.
3 Infecções: Doença produzida pela invasão de um germe (bactéria, vírus, fungo, etc.) em um organismo superior. Como conseqüência da mesma podem ser produzidas alterações na estrutura ou funcionamento dos tecidos comprometidos, ocasionando febre, queda do estado geral, e inúmeros sintomas que dependem do tipo de germe e da reação imunológica perante o mesmo.
4 Unhas: São anexos cutâneos formados por células corneificadas (queratina) que formam lâminas de consistência endurecida. Esta consistência dura, confere proteção à extremidade dos dedos das mãos e dos pés. As unhas têm também função estética. Apresentam crescimento contínuo e recebem estímulos hormonais e nutricionais diversos.
5 Candidíase: É o nome da infecção produzida pela Candida albicans, um fungo que produz doença em mucosas, na pele ou em órgãos profundos (candidíase sistêmica).As infecções profundas podem ser mais freqüentes em pessoas com deficiência no sistema imunológico (pacientes com câncer, SIDA, etc.).
   [Mais...]

Pele saudável - 29/07/21
Acrocórdons, também conhecidos como pólipos1 fibroepiteliais, são pequenas saliências (“bolinhas”) penduradas na pele2, que lembram verrugas, normalmente da mesma cor ou algo mais amarronzadas que elas, totalmente benignas e que não causam sintomas3.
1 Pólipos: 1. Em patologia, é o crescimento de tecido pediculado que se desenvolve em uma membrana mucosa (por exemplo, no nariz, bexiga, reto, etc.) em resultado da hipertrofia desta membrana ou como um tumor verdadeiro. 2. Em celenterologia, forma individual, séssil, típica dos cnidários, que se caracteriza pelo corpo formado por um tubo ou cilindro, cuja extremidade oral, dotada de boca e tentáculos, é dirigida para cima, e a extremidade oposta, ou aboral, é fixa.
2 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
3 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
   [Mais...]

Pele saudável - 30/03/21
Lipodistrofias ginoides é a nomenclatura médica para se referir às populares celulites, que nada mais são que depósitos de gordura1 sob a pele2. Não são consideradas uma doença, mas são uma preocupação estética importante para a maioria das mulheres afetadas.
1 Gordura: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Os alimentos que fornecem gordura são: manteiga, margarina, óleos, nozes, carnes vermelhas, peixes, frango e alguns derivados do leite. O excesso de calorias é estocado no organismo na forma de gordura, fornecendo uma reserva de energia ao organismo.
2 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
   [Mais...]

Pele saudável - 04/03/21
Cicatrizes1 são comuns durante o processo de cura de feridas, mas uma cicatriz2 hipertrófica é o resultado de uma resposta anormal a um trauma ou lesão3 da pele4. Uma cicatriz2 hipertrófica é uma cicatriz2 espessa, ampla e frequentemente elevada, que se desenvolve onde a pele4 é ferida.
1 Cicatrizes: Formação de um novo tecido durante o processo de cicatrização de um ferimento.
2 Cicatriz: Formação de um novo tecido durante o processo de cicatrização de um ferimento.
3 Lesão: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
4 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
   [Mais...]

Pele saudável - 23/12/20
Os cistos epidérmicos (ou epidermoides) são pequenos caroços que se desenvolvem sob a pele1. Eles não causam outros sinais2 ou sintomas3 e nunca são cancerígenos. São frequentemente encontrados na cabeça4, pescoço5, costas6 ou órgãos genitais e variam em tamanho, desde poucos milímetros a vários centímetros de diâmetro.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
3 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
4 Cabeça:
5 Pescoço:
6 Costas:
   [Mais...]

Pele saudável - 10/06/20
O bronzeamento consiste em conferir à pele1 de pessoas de pele1 clara uma coloração dourada/bronzeada (cor de bronze). Para muitas pessoas (principalmente mulheres jovens) este é um desejo estético de alta relevância, a tal ponto que elas dedicam a isso algum tempo e/ou gastos.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
   [Mais...]

Pele saudável - 19/02/20
A pele1 é o maior órgão do corpo humano2 e está sujeita ao câncer3, como qualquer outro órgão. No entanto, sendo um órgão externo e de fácil visualização, permite detectar muito precocemente as lesões4 cancerosas e outras ainda não cancerosas, mas com potencial de se desenvolverem malignamente, essas são as lesões4 ditas pré-cancerosas.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Corpo humano: O corpo humano é a substância física ou estrutura total e material de cada homem. Ele divide-se em cabeça, pescoço, tronco e membros. A anatomia humana estuda as grandes estruturas e sistemas do corpo humano.
3 Câncer: Crescimento anormal de um tecido celular capaz de invadir outros órgãos localmente ou à distância (metástases).
4 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
   [Mais...]

Pele saudável - 22/10/19
Manchas na pele1 são alterações localizadas na coloração da pele1. Algumas são congênitas2 ou hereditárias; outras adquiridas ao longo da vida. Umas devem-se a fatores internos do próprio organismo como, por exemplo, o vitiligo3; outras a fatores externos, como a exposição ao sol.
1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Congênitas: 1. Em biologia, o que é característico do indivíduo desde o nascimento ou antes do nascimento; conato. 2. Que se manifesta espontaneamente; inato, natural, infuso. 3. Que combina bem com; apropriado, adequado. 4. Em termos jurídicos, é o que foi adquirido durante a vida fetal ou embrionária; nascido com o indivíduo. Por exemplo, um defeito congênito.
3 Vitiligo: Doença benigna da pele, caracterizada pela ausência de pigmentação normal nas regiões afetadas, frequentemente face e mãos. Hoje já há tratamento, porém este é demorado e com resultados variáveis de pessoa para pessoa. CÓDIGO INTERNACIONAL DE DOENÇAS (CID): L80- VITILIGO.
   [Mais...]



Visualizar: Títulos | Resumos
  • Entrar
  • Receber conteúdos