AbcMed  -  Obesidade
Obesidade - 06/11/17
Anorexígenos1, anoréticos ou moderadores de apetite são medicamentos à base de anfetamina ou metanfetamina, drogas da mesma classe da cocaína e do crack, usadas com a finalidade de induzir a falta de apetite e, consequentemente, levar a pessoa a comer menos. Ou seja, são os famosos “remédios para emagrecer”.
1 Anorexígenos: Que ou o que provoca anorexia (diz-se de substância ou droga), ou seja, que ou o que produz falta ou perda de apetite.
   [Mais...]

Obesidade - 16/10/17
Geralmente a perda de peso que acontece rapidamente é ocasionada pela restrição de alguns alimentos que são fundamentais para a saúde1 do organismo, como as proteínas2, vitaminas e carboidratos. As providências para emagrecer, sem a orientação de um médico ou nutricionista3, podem ser prejudiciais e mesmo danosas para a saúde1.
1 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
2 Proteínas: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Alimentos que fornecem proteína incluem carne vermelha, frango, peixe, queijos, leite, derivados do leite, ovos.
3 Nutricionista: Especialista em nutricionismo, ou seja, especialista no estudo das necessidades alimentares dos seres humanos e animais, e dos problemas relativos à nutrição.
   [Mais...]

Obesidade - 31/10/16
Não há como “emagrecer” em apenas uma parte do corpo. O que pode ser feito é eliminar a gordura1 como um todo e, consequentemente, eliminar gordura1 também na área desejada. Veja algumas dicas para emagrecer.
1 Gordura: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Os alimentos que fornecem gordura são: manteiga, margarina, óleos, nozes, carnes vermelhas, peixes, frango e alguns derivados do leite. O excesso de calorias é estocado no organismo na forma de gordura, fornecendo uma reserva de energia ao organismo.
   [Mais...]

Obesidade - 28/10/16
A dieta do jejum, também conhecida como dieta do jejum intermitente1, não é propriamente uma dieta nos modelos clássicos, mas sim uma mudança no estilo de se alimentar. O jejum intermitente1 é o nome que se dá ao estilo de alimentação que alterna períodos de jejum com períodos de alimentação.
1 Intermitente: Nos quais ou em que ocorrem interrupções; que cessa e recomeça por intervalos; intervalado, descontínuo. Em medicina, diz-se de episódios de febre alta que se alternam com intervalos de temperatura normal ou cujas pulsações têm intervalos desiguais entre si.
   [Mais...]

Obesidade - 02/06/16
O apetite pode manifestar-se como diminuído ou aumentado, em relação àquilo que se consideraria normal, ou mesmo estar ausente. O centro da fome e o centro da saciedade estão localizados no hipotálamo1. Lesões2 nessas áreas causam, respectivamente, anorexia3 (ausência da vontade de comer) e emagrecimento ou obesidade4, consequente a um excesso da vontade de comer.
1 Hipotálamo: Parte ventral do diencéfalo extendendo-se da região do quiasma óptico à borda caudal dos corpos mamilares, formando as paredes lateral e inferior do terceiro ventrículo.
2 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
3 Anorexia: Perda do apetite ou do desejo de ingerir alimentos.
4 Obesidade: Condição em que há acúmulo de gorduras no organismo além do normal, mais severo que o sobrepeso. O índice de massa corporal é igual ou maior que 30.
   [Mais...]

Obesidade - 23/02/16
Adiposidade abdominal é o acúmulo de gordura1 na parte da frente do abdome2, tornando a pessoa “barriguda”. Ela contribui para elevar os níveis de colesterol3 ruim (LDL4) e de triglicerídeos, aumentar a resistência à insulina5 e reduzir o bom colesterol3 (HDL6). Além disso, é o principal risco para doenças cardíacas.
1 Gordura: Um dos três principais nutrientes dos alimentos. Os alimentos que fornecem gordura são: manteiga, margarina, óleos, nozes, carnes vermelhas, peixes, frango e alguns derivados do leite. O excesso de calorias é estocado no organismo na forma de gordura, fornecendo uma reserva de energia ao organismo.
2 Abdome: Região do corpo que se localiza entre o TÓRAX e a PELVE.
3 Colesterol: Tipo de gordura produzida pelo fígado e encontrada no sangue, músculos, fígado e outros tecidos. O colesterol é usado pelo corpo para a produção de hormônios esteróides (testosterona, estrógeno, cortisol e progesterona). O excesso de colesterol pode causar depósito de gordura nos vasos sangüíneos. Seus componentes são: HDL-Colesterol: tem efeito protetor para as artérias, é considerado o bom colesterol. LDL-Colesterol: relacionado às doenças cardiovasculares, é o mau colesterol. VLDL-Colesterol: representa os triglicérides (um quinto destes).
4 LDL: Lipoproteína de baixa densidade, encarregada de transportar colesterol através do sangue. Devido à sua tendência em depositar o colesterol nas paredes arteriais e a produzir aterosclerose, tem sido denominada “mau colesterol“.
5 Resistência à insulina: Inabilidade do corpo para responder e usar a insulina produzida. A resistência à insulina pode estar relacionada à obesidade, hipertensão e altos níveis de colesterol no sangue.
6 HDL: Abreviatura utilizada para denominar um tipo de proteína encarregada de transportar o colesterol sanguíneo, que se relaciona com menor risco cardiovascular. Também é conhecido como “Bom Colesterol”. Seus valores normais são de 35-50mg/dl.
   [Mais...]

Obesidade - 20/05/14
A dieta da sopa é aconselhável para quem quer ou precisa perder peso rapidamente (cerca de sete quilos em uma semana). Ela sugere a substituição das refeições diárias por sopas caseiras, durante uma semana e não é feita só por motivos estéticos, mas costuma ser recomendada por médicos para os pacientes que passaram por uma cirurgia cardíaca ou para aqueles que têm problemas sérios de coração1.
1 Coração: Órgão muscular, oco, que mantém a circulação sangüínea.
   [Mais...]

Obesidade - 19/05/14
A dieta de Beverly Hills se utiliza das reações químicas de certos alimentos naturais, principalmente frutas, para levar a pessoa a perder peso. O abacaxi, por exemplo, fartamente recomendado, possui uma enzima1, a bromelina, altamente digestiva que auxilia na eliminação de líquidos pela urina2, resultando assim na perda de peso.
1 Enzima: Proteína produzida pelo organismo que gera uma reação química. Por exemplo, as enzimas produzidas pelo intestino que ajudam no processo digestivo.
2 Urina: Resíduo líquido produzido pela filtração renal no organismo, estocado na bexiga e expelido pelo ato de urinar.
   [Mais...]

Obesidade - 16/05/14
A dieta dos pontos é o regime alimentar adotado pelo conhecido programa Weight Watchers (Vigilantes do Peso). É um tipo de regime que tem como base um cálculo1 matemático que determina o número de calorias2 que a pessoa pode consumir diariamente para perder ou manter seu peso.
1 Cálculo: Formação sólida, produto da precipitação de diferentes substâncias dissolvidas nos líquidos corporais, podendo variar em sua composição segundo diferentes condições biológicas. Podem ser produzidos no sistema biliar (cálculos biliares) e nos rins (cálculos renais) e serem formados de colesterol, ácido úrico, oxalato de cálcio, pigmentos biliares, etc.
2 Calorias: Dizemos que um alimento tem “x“ calorias, para nos referirmos à quantidade de energia que ele pode fornecer ao organismo, ou seja, à energia que será utilizada para o corpo realizar suas funções de respiração, digestão, prática de atividades físicas, etc.
   [Mais...]

Obesidade - 15/05/14
Segundo os defensores da dieta dos tipos sanguíneos, os alimentos consumidos determinam a eficiência do metabolismo1, pois de acordo com o seu tipo sanguíneo cada pessoa deve priorizar determinados alimentos e evitar outros para fortalecer o seu sistema imunológico2, o estado emocional e diminuir o peso corporal a partir de uma mudança de hábitos alimentares.
1 Metabolismo: É o conjunto de transformações que as substâncias químicas sofrem no interior dos organismos vivos. São essas reações que permitem a uma célula ou um sistema transformar os alimentos em energia, que será ultilizada pelas células para que as mesmas se multipliquem, cresçam e movimentem-se. O metabolismo divide-se em duas etapas: catabolismo e anabolismo.
2 Sistema imunológico: Sistema de defesa do organismo contra infecções e outros ataques de micro-organismos que enfraquecem o nosso corpo.
   [Mais...]

Mostrar: 10
1 - 2 - >
1 a 10 (Total: 20)
  • Entrar
  • Assinar