AbcMed  -  Saúde Bucal
Saúde Bucal - 23/07/20
Os dentes do siso, também chamados dentes serotinos ou terceiros molares, são os molares inferiores e superiores mais posteriores de cada lado dos maxilares1. São também os últimos dentes a nascer, entre os 16 e 20 anos de idade (podendo, em casos raros, surgir muito mais tarde, até depois dos 30 anos), variando de paciente para paciente2.
1 Maxilares: Estrutura óssea da boca (que fixa os dentes). É constituída pela MANDÍBULA e pela MAXILA.
2 Para paciente: Você pode utilizar este texto livremente com seus pacientes, inclusive alterando-o, de acordo com a sua prática e experiência. Conheça todos os materiais Para Paciente disponíveis para auxiliar, educar e esclarecer seus pacientes, colaborando para a melhoria da relação médico-paciente, reunidos no canal Para Pacientes . As informações contidas neste texto são baseadas em uma compilação feita pela equipe médica da Centralx. Você deve checar e confirmar as informações e divulgá-las para seus pacientes de acordo com seus conhecimentos médicos.
   [Mais...]

Saúde Bucal - 05/03/20
A hipertrofia1 gengival, também conhecida como hiperplasia2 gengival, é um crescimento excessivo e anormal do tecido3 gengival ao redor dos dentes, encobrindo-os parcialmente. Esse aumento no tamanho da gengiva é uma característica comum das doenças gengivais.
1 Hipertrofia: 1. Desenvolvimento ou crescimento excessivo de um órgão ou de parte dele devido a um aumento do tamanho de suas células constituintes. 2. Desenvolvimento ou crescimento excessivo, em tamanho ou em complexidade (de alguma coisa). 3. Em medicina, é aumento do tamanho (mas não da quantidade) de células que compõem um tecido. Pode ser acompanhada pelo aumento do tamanho do órgão do qual faz parte.
2 Hiperplasia: Aumento do número de células de um tecido. Pode ser conseqüência de um estímulo hormonal fisiológico ou não, anomalias genéticas no tecido de origem, etc.
3 Tecido: Conjunto de células de características semelhantes, organizadas em estruturas complexas para cumprir uma determinada função. Exemplo de tecido: o tecido ósseo encontra-se formado por osteócitos dispostos em uma matriz mineral para cumprir funções de sustentação.
   [Mais...]

Saúde Bucal - 23/08/19
O tratamento ortodôntico pode ser usado para corrigir o alinhamento de dentes tortos, protuberantes ou apinhados, para corrigir problemas com a mordida e para melhorar a aparência, incluindo o sorriso. Além disso, dentes tortos ou dentes que não se encaixam corretamente são difíceis de serem mantidos limpos, podendo ser perdidos precocemente, devido à deterioração e à doença periodontal1.
1 Periodontal: Relativo ao ou próprio do tecido em torno dos dentes, o periodonto. O periodonto é o tecido conjuntivo que fixa o dente no alvéolo.
   [Mais...]

Saúde Bucal - 26/06/19
Antigamente, a cárie, na infância, e a doença periodontal1, na idade adulta, eram as principais responsáveis pelos problemas da boca2. Escovar bem os dentes e cuidar das gengivas eram os cuidados recomendados. Hoje em dia, a preocupação é também com as lesões3 cervicais não cariosas (abrasão, erosão e abfração) e hipersensibilidade dentária, já que os dentes estão envelhecendo mais rapidamente.
1 Periodontal: Relativo ao ou próprio do tecido em torno dos dentes, o periodonto. O periodonto é o tecido conjuntivo que fixa o dente no alvéolo.
2 Boca: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes
3 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
   [Mais...]

Saúde Bucal - 08/08/18
Sangramento nas gengivas é a perda de sangue1 na junção delas com os dentes. O sangramento é sempre um alerta de que elas não estão tão saudáveis como deveriam e é o sinal2 mais frequente de doença gengival, podendo também apontar para outros problemas de saúde3.
1 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
2 Sinal: 1. É uma alteração percebida ou medida por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida. 2. Som ou gesto que indica algo, indício. 3. Dinheiro que se dá para garantir um contrato.
3 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
   [Mais...]

Saúde Bucal - 28/09/16
Diastema é um espaçamento incomum entre dois ou mais dentes, sobretudo entre os incisivos superiores. Muitas espécies de mamíferos têm diastema como uma característica normal. Em algumas culturas, o diastema é considerado atraente e algumas pessoas utilizam métodos para ocasioná-lo artificialmente.   [Mais...]
Saúde Bucal - 02/09/16
O clareamento dental é constituído por técnicas adotadas pelos dentistas para clarear (tornar mais brancos) os dentes anteriormente manchados ou escurecidos.   [Mais...]
Saúde Bucal - 20/04/16
Enxaguatórios bucais são líquidos para banhar a cavidade oral1 e para gargarejar, devendo ser cuspidos e não engolidos. Os que possuem antissépticos2 frequentemente são indicados no controle químico da placa3 bacteriana e podem ser prescritos para processos inflamatórios e infecciosos instalados na região bucal.
1 Cavidade Oral: Cavidade oral ovalada (localizada no ápice do trato digestivo) composta de duas partes
2 Antissépticos: Que ou os que impedem a contaminação e combatem a infecção.
3 Placa: 1. Lesão achatada, semelhante à pápula, mas com diâmetro superior a um centímetro. 2. Folha de material resistente (metal, vidro, plástico etc.), mais ou menos espessa. 3. Objeto com formato de tabuleta, geralmente de bronze, mármore ou granito, com inscrição comemorativa ou indicativa. 4. Chapa que serve de suporte a um aparelho de iluminação que se fixa em uma superfície vertical ou sobre uma peça de mobiliário, etc. 5. Placa de metal que, colocada na dianteira e na traseira de um veículo automotor, registra o número de licenciamento do veículo. 6. Chapa que, emitida pela administração pública, representa sinal oficial de concessão de certas licenças e autorizações. 7. Lâmina metálica, polida, usualmente como forma em processos de gravura. 8. Área ou zona que difere do resto de uma superfície, ordinariamente pela cor. 9. Mancha mais ou menos espessa na pele, como resultado de doença, escoriação, etc. 10. Em anatomia geral, estrutura ou órgão chato e em forma de placa, como uma escama ou lamela. 11. Em informática, suporte plano, retangular, de fibra de vidro, em que se gravam chips e outros componentes eletrônicos do computador. 12. Em odontologia, camada aderente de bactérias que se forma nos dentes.
   [Mais...]

Saúde Bucal - 05/04/16
A gengiva saudável forma um colar de proteção ao redor dos dentes. A retração gengival ocorre quando a margem gengival se afasta da coroa do dente1, em direção à raiz dele. Quando ela se retrai, expõe a raiz dos dentes, fazendo aparecer sensibilidade dentária e facilitando o aparecimento da cárie.
1 Dente: Uma das estruturas cônicas duras situadas nos alvéolos da maxila e mandíbula, utilizadas na mastigação e que auxiliam a articulação. O dente é uma estrutura dérmica composta de dentina e revestida por cemento na raiz anatômica e por esmalte na coroa anatômica. Consiste numa raiz mergulhada no alvéolo, um colo recoberto pela gengiva e uma coroa, a parte exposta. No centro encontra-se a cavidade bulbar preenchida com retículo de tecido conjuntivo contendo uma substância gelatinosa (polpa do dente) e vasos sangüíneos e nervos que penetram através de uma abertura ou aberturas no ápice da raiz. Os 20 dentes decíduos ou dentes primários surgem entre o sexto e o nono e o vigésimo quarto mês de vida; sofrem esfoliação e são substituídos pelos 32 dentes permanentes, que aparecem entre o quinto e sétimo e entre o décimo sétimo e vigésimo terceiro anos. Existem quatro tipos de dentes
   [Mais...]

Saúde Bucal - 15/03/16
A queilite actínica1 é uma alteração pré-maligna dos lábios, que acomete principalmente o lábio2 inferior. Afeta principalmente indivíduos do sexo masculino com média de 50 anos de idade.
1 Actínica: Referente às radiações capazes de ativar transformações químicas em certas substâncias (por exemplo, a luz do sol ao incidir sobre o tecido humano ou vegetal).
2 Lábio: Cada uma das duas margens carnudas e altamente irrigadas da boca.
   [Mais...]



Visualizar: Títulos | Resumos
  • Entrar
  • Assinar