Gostou do artigo? Compartilhe!

Telangiectasia ou aranhas vasculares: o que é isso?

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie este artigo

O que é telangiectasia1?

Chama-se telangiectasias2 à presença de pequenos vasos sanguíneos3 dilatados na pele4. Elas podem se desenvolver em qualquer parte do corpo, mais frequentemente são vistas na face5 ao redor do nariz6, nas bochechas, queixo e no branco dos olhos7. Elas podem estar associadas a várias doenças, nem sempre reconhecidas. Também podem ocorrer no cérebro8 e causar problemas sérios de sangramentos, motivando um acidente vascular cerebral9.

Quais são as causas da telangiectasia1?

As principais causas das teleangiectasias são de natureza genética, mas podem incluir o uso de álcool, o envelhecimento, a gravidez10 e a excessiva exposição ao sol. No envelhecimento elas ocorrem porque há uma diminuição da quantidade de fibras elásticas11 e do colágeno12, responsáveis pelo vigor da pele4. Várias doenças podem estar associadas às telangiectasias2 e os eventuais sintomas13 decorrem mais dessas enfermidades que das telangiectasias2 em si. Entre essas doenças estão a ataxia14 telangiectasia1, telangiectasia1 congênita15, telangiectasia1 hemorrágica16 hereditária, angioma17 estelar e xerodermia pigmentosa.

Quais são os principais sinais18 e sintomas13 da telangiectasia1?

Em geral, as telangiectasias2 aparecem como manchas azuis avermelhadas assintomáticas. Podem sangrar abundantemente quando feridas ou traumatizadas.

Como o médico diagnostica a telangiectasia1?

O diagnóstico19 da telangiectasia1 é feito por meio do exame físico através da observação da lesão20. Mas podem ser necessários exames para diagnosticar ou eliminar um problema clínico. Tais testes podem incluir exames de sangue21, tomografia computadorizada22, análise das funções hepáticas23, ressonância magnética24 e radiografias.

Como o médico trata a telangiectasia1?

Geralmente, a razão principal que leva ao tratamento das telangiectasias2 é de natureza estética. O tratamento sintomático25 pode ser feito por meio do laser ou pela escleroterapia26. O tratamento a laser é normalmente usado para cuidar de telangiectasias2 na face5 e a escleroterapia26 é o tratamento preferível para as telangiectasias2 nas pernas. A escleroterapia26 consiste na injeção27 local de um produto agressivo para a parede dos capilares28, que conduz à oclusão e reabsorção dos mesmos. O laser trouxe grandes esperanças no início, mas rapidamente verificou-se que ele não é tão eficaz para a maioria dos casos.

Quais são as complicações possíveis da telangiectasia1 e de seu tratamento?

As telangiectasias2 cerebrais podem se romper, ocasionando hemorragias29 cerebrais.

A escleroterapia26 pode provocar lesões30 graves do tipo necrótico com cicatrizes31 ou manchas escuras que permanecerão para sempre. O laser, utilizado com má técnica, pode provocar queimaduras graves. 

ABCMED, 2014. Telangiectasia ou aranhas vasculares: o que é isso?. Disponível em: <https://www.abc.med.br/p/pele-saudavel/532284/telangiectasia-ou-aranhas-vasculares-o-que-e-isso.htm>. Acesso em: 10 ago. 2020.
Nota ao leitor:
As notas acima são dirigidas principalmente aos leigos em medicina e têm por objetivo destacar os aspectos mais relevantes desse assunto e não visam substituir as orientações do médico, que devem ser tidas como superiores a elas. Sendo assim, elas não devem ser utilizadas para autodiagnóstico ou automedicação nem para subsidiar trabalhos que requeiram rigor científico.

Complementos

1 Telangiectasia: Dilatação permanente da parede de um pequeno vaso sanguíneo localizado na derme.
2 Telangiectasias: Dilatações permanentes da parede de um pequeno vaso sanguíneo localizado na derme.
3 Vasos Sanguíneos: Qualquer vaso tubular que transporta o sangue (artérias, arteríolas, capilares, vênulas e veias).
4 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
5 Face: Parte anterior da cabeça que inclui a pele, os músculos e as estruturas da fronte, olhos, nariz, boca, bochechas e mandíbula.
6 Nariz: Estrutura especializada que funciona como um órgão do sentido do olfato e que também pertence ao sistema respiratório; o termo inclui tanto o nariz externo como a cavidade nasal.
7 Olhos:
8 Cérebro: Derivado do TELENCÉFALO, o cérebro é composto dos hemisférios direito e esquerdo. Cada hemisfério contém um córtex cerebral exterior e gânglios basais subcorticais. O cérebro inclui todas as partes dentro do crânio exceto MEDULA OBLONGA, PONTE e CEREBELO. As funções cerebrais incluem as atividades sensório-motora, emocional e intelectual.
9 Acidente vascular cerebral: Conhecido popularmente como derrame cerebral, o acidente vascular cerebral (AVC) ou encefálico é uma doença que consiste na interrupção súbita do suprimento de sangue com oxigênio e nutrientes para o cérebro, lesando células nervosas, o que pode resultar em graves conseqüências, como inabilidade para falar ou mover partes do corpo. Há dois tipos de derrame, o isquêmico e o hemorrágico.
10 Gravidez: Condição de ter um embrião ou feto em desenvolvimento no trato reprodutivo feminino após a união de ovo e espermatozóide.
11 Fibras Elásticas: Tecido conectivo constituído principalmente por fibras elásticas. Estas, têm dois components
12 Colágeno: Principal proteína fibrilar, de função estrutural, presente no tecido conjuntivo de animais.
13 Sintomas: Alterações da percepção normal que uma pessoa tem de seu próprio corpo, do seu metabolismo, de suas sensações, podendo ou não ser um indício de doença. Os sintomas são as queixas relatadas pelo paciente mas que só ele consegue perceber. Sintomas são subjetivos, sujeitos à interpretação pessoal. A variabilidade descritiva dos sintomas varia em função da cultura do indivíduo, assim como da valorização que cada pessoa dá às suas próprias percepções.
14 Ataxia: Reflete uma condição de falta de coordenação dos movimentos musculares voluntários podendo afetar a força muscular e o equilíbrio de uma pessoa. É normalmente associada a uma degeneração ou bloqueio de áreas específicas do cérebro e cerebelo. É um sintoma, não uma doença específica ou um diagnóstico.
15 Congênita: 1. Em biologia, o que é característico do indivíduo desde o nascimento ou antes do nascimento; conato. 2. Que se manifesta espontaneamente; inato, natural, infuso. 3. Que combina bem com; apropriado, adequado. 4. Em termos jurídicos, é o que foi adquirido durante a vida fetal ou embrionária; nascido com o indivíduo. Por exemplo, um defeito congênito.
16 Hemorrágica: Relativo à hemorragia, ou seja, ao escoamento de sangue para fora dos vasos sanguíneos.
17 Angioma: Tumor benigno derivado dos vasos sangüíneos (hemangioma) ou dos vasos linfáticos (linfangioma). Apesar de benigno pode ser destrutivo localmente, causando, dependendo do tamanho, deformidades e problemas importantes.
18 Sinais: São alterações percebidas ou medidas por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida.
19 Diagnóstico: Determinação de uma doença a partir dos seus sinais e sintomas.
20 Lesão: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
21 Sangue: O sangue é uma substância líquida que circula pelas artérias e veias do organismo. Em um adulto sadio, cerca de 45% do volume de seu sangue é composto por células (a maioria glóbulos vermelhos, glóbulos brancos e plaquetas). O sangue é vermelho brilhante, quando oxigenado nos pulmões (nos alvéolos pulmonares). Ele adquire uma tonalidade mais azulada, quando perde seu oxigênio, através das veias e dos pequenos vasos denominados capilares.
22 Tomografia computadorizada: Exame capaz de obter imagens em tons de cinza de “fatias” de partes do corpo ou de órgãos selecionados, as quais são geradas pelo processamento por um computador de uma sucessão de imagens de raios X de alta resolução em diversos segmentos sucessivos de partes do corpo ou de órgãos.
23 Hepáticas: Relativas a ou que forma, constitui ou faz parte do fígado.
24 Ressonância magnética: Exame que fornece imagens em alta definição dos órgãos internos do corpo através da utilização de um campo magnético.
25 Sintomático: 1. Relativo a ou que constitui sintoma. 2. Que é efeito de alguma doença. 3. Por extensão de sentido, é o que indica um particular estado de coisas, de espírito; revelador, significativo.
26 Escleroterapia: É um procedimento que consiste na injeção de determinados medicamentos “esclerosantes“ dentro de um capilar, vênula ou veia de modo a destruí-la. É usada principalmente para o tratamento de varizes e hemorroidas.
27 Injeção: Infiltração de medicação ou nutrientes líquidos no corpo através de uma agulha e seringa.
28 Capilares: Minúsculos vasos que conectam as arteríolas e vênulas.
29 Hemorragias: Saída de sangue dos vasos sanguíneos ou do coração para o exterior, para o interstício ou para cavidades pré-formadas do organismo.
30 Lesões: 1. Ato ou efeito de lesar (-se). 2. Em medicina, ferimento ou traumatismo. 3. Em patologia, qualquer alteração patológica ou traumática de um tecido, especialmente quando acarreta perda de função de uma parte do corpo. Ou também, um dos pontos de manifestação de uma doença sistêmica. 4. Em termos jurídicos, prejuízo sofrido por uma das partes contratantes que dá mais do que recebe, em virtude de erros de apreciação ou devido a elementos circunstanciais. Ou também, em direito penal, ofensa, dano à integridade física de alguém.
31 Cicatrizes: Formação de um novo tecido durante o processo de cicatrização de um ferimento.

Artigos selecionados

Gostou do artigo? Compartilhe!

Tem alguma dúvida sobre Angiologia?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.