Atalho: 6W0RG1C
Gostou do artigo? Compartilhe!

Caspas: o que são? Quais as causas, tratamento, prevenção e evolução?

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie este artigo

O que são caspas?

A pele1 do couro cabeludo elimina normalmente por descamação2 as células3 velhas, que dão lugar a outras novas. Essas células3 são de tamanho tão minúsculo que o processo nem chega a ser percebido. No entanto, quando há uma dermatite4 (inflação da pele1) do couro cabeludo, a pessoa perde escamas da pele1 em forma de flocos brancos, aos quais se denomina caspa. Costuma-se chamar essa dermatite4 de dermatite seborreica5. No entanto, a caspa e a dermatite seborreica5 não são a mesma coisa. A caspa é seca, a dermatite4 é úmida. A dermatite seborreica5 tem maior gravidade que a caspa e em casos mais intensos pode afetar também as sobrancelhas6, o rosto (maçã do rosto), a barba, o nariz7, a região atrás das orelhas8, as costas9, as dobras da pele1 e a região entre os seios10. Na verdade existem dois tipos de caspa: a caspa seca, formada por minúsculas películas que empoeiram o pescoço11 e os ombros e a caspa gordurosa, causada por escamas embebidas em sebo, aderentes ao couro cabeludo e à raiz dos cabelos. Essa talvez seja a descamação2 intensificada pela dermatite seborreica5.

A caspa é uma manifestação mínima da dermatite seborreica5, embora possa provocar a queda de cabelos. A caspa acomete igualmente homens e mulheres e afeta tanto os cabelos oleosos quanto os secos, embora àqueles mais que a estes.

Quais são as causas das caspas?

Embora seja muito conhecida e muito comum, pouco se sabe sobre as causas definitivas e os tratamentos 100% efetivos para as caspas. Sabe-se que as caspas podem ter várias causas desencadeadoras, além de uma susceptibilidade12 genética, tais como:

  • Clima seco.
  • Mudanças bruscas de temperatura.
  • Estresse.
  • Alterações hormonais.

Depois de estabelecidas, as caspas atraem fungos (Malassezia globosa), o que complica a situação.

Como é o tratamento das caspas?

As caspas não têm cura definitiva, mas podem ser controladas. Existem xampus anticaspa, que contêm princípios ativos que procuram diminui-las. Os mais usados têm como base zinco, cetoconazol, selênio, alcatrão, ácido salicílico, dentre outros. Se a descamação2 for muito forte, pode ser necessário usar medicamentos orais, receitados pelo dermatologista.

Como evoluem as caspas?

Se os cuidados preventivos e terapêuticos forem interrompidos, as caspas podem retornar.

A inflamação13 de longa duração do couro cabeludo, associada às caspas, pode agravar a calvície14.

Quais medidas podem ajudar a diminuir ou prevenir as caspas?

  • Lavar o cabelo15 diariamente com água morna (não quente) e secá-los bem, com o secador.
  • Não escarificar16 o couro cabeludo com a unha. Massageá-lo por cinco minutos apenas com a polpa dos dedos.
  • Se os cabelos são oleosos, seguir uma alimentação com pouca ingestão de gorduras e açúcar17.
  • Se possível, tomar sol pela manhã e no fim da tarde, já que o sol é um anti-inflamatório natural.
ABCMED, 2013. Caspas: o que são? Quais as causas, tratamento, prevenção e evolução?. Disponível em: <https://www.abc.med.br/p/pele-saudavel/343379/caspas-o-que-sao-quais-as-causas-tratamento-prevencao-e-evolucao.htm>. Acesso em: 24 mar. 2019.
Nota ao leitor:
As notas acima são dirigidas principalmente aos leigos em medicina e têm por objetivo destacar os aspectos mais relevantes desse assunto e não visam substituir as orientações do médico, que devem ser tidas como superiores a elas. Sendo assim, elas não devem ser utilizadas para autodiagnóstico ou automedicação nem para subsidiar trabalhos que requeiram rigor científico.

Complementos

1 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
2 Descamação: 1. Ato ou efeito de descamar(-se); escamação. 2. Na dermatologia, fala-se da eliminação normal ou patológica da camada córnea da pele ou das mucosas. 3. Formação de cascas ou escamas, devido ao intemperismo, sobre uma rocha; esfoliação térmica.
3 Células: Unidades (ou subunidades) funcionais e estruturais fundamentais dos organismos vivos. São compostas de CITOPLASMA (com várias ORGANELAS) e limitadas por uma MEMBRANA CELULAR.
4 Dermatite: Inflamação das camadas superficiais da pele, que pode apresentar-se de formas variadas (dermatite seborreica, dermatite de contato...) e é produzida pela agressão direta de microorganismos, substância tóxica ou por uma resposta imunológica inadequada (alergias, doenças auto-imunes).
5 Dermatite seborreica: Caracterizada por descamação da pele e do couro cabeludo. A forma que acomete couro cabeludo é a mais comum e conhecida popularmente por caspa. É uma doença inflamatória, não contagiosa, possui caráter crônico e recorrente. O fungo Pityrosporum ovale pode ser considerado um possível causador da dermatite seborreica. As manifestações clínicas mais comuns são descamação, vermelhidão e aspereza local. As escamas podem ser secas ou gordurosas, finas ou espessas, geralmente acinzentadas ou amareladas, quase sempre aderentes, podendo ser acompanhadas ou não de coceira.
6 Sobrancelhas: Linhas curvas de cabelos localizadas nas bordas superiores das cavidades orbitárias.
7 Nariz: Estrutura especializada que funciona como um órgão do sentido do olfato e que também pertence ao sistema respiratório; o termo inclui tanto o nariz externo como a cavidade nasal.
8 Orelhas: Sistema auditivo e de equilíbrio do corpo. Consiste em três partes
9 Costas:
10 Seios: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
11 Pescoço:
12 Susceptibilidade: 1. Ato, característica ou condição do que é suscetível. 2. Capacidade de receber as impressões que põem em exercício as ações orgânicas; sensibilidade. 3. Disposição ou tendência para se ofender e se ressentir com (algo, geralmente sem importância); delicadeza, melindre. 4. Em física, é o coeficiente de proporcionalidade entre o campo magnético aplicado a um material e a sua magnetização.
13 Inflamação: Conjunto de processos que se desenvolvem em um tecido em resposta a uma agressão externa. Incluem fenômenos vasculares como vasodilatação, edema, desencadeamento da resposta imunológica, ativação do sistema de coagulação, etc.Quando se produz em um tecido superficial (pele, tecido celular subcutâneo) pode apresentar tumefação, aumento da temperatura local, coloração avermelhada e dor (tétrade de Celso, o cientista que primeiro descreveu as características clínicas da inflamação).
14 Calvície: Também chamada de alopécia androgenética é uma manifestação fisiológica que ocorre em indivíduos geneticamente predispostos, sendo que a herança genética pode vir do lado paterno ou materno. É resultado da estimulação dos folículos pilosos por hormônios masculinos que começam a ser produzidos na adolescência (testosterona). Ao atingir o couro cabeludo de pacientes com tendência genética para a calvície, a testosterona sofre a ação de uma enzima, a 5-alfa-redutase, e é transformada em diidrotestosterona (DHT). É a DHT que vai agir sobre os folículos pilosos promovendo a sua diminuição progressiva. O resultado final deste processo de diminuição e afinamento dos fios de cabelo é a calvície.
15 Cabelo: Estrutura filamentosa formada por uma haste que se projeta para a superfície da PELE a partir de uma raiz (mais macia que a haste) e se aloja na cavidade de um FOLÍCULO PILOSO. É encontrado em muitas áreas do corpo.
16 Escarificar: Arranhar ou praticar cortes mais ou menos leves em uma superfície.
17 Açúcar: 1. Classe de carboidratos com sabor adocicado, incluindo glicose, frutose e sacarose. 2. Termo usado para se referir à glicemia sangüínea.
Gostou do artigo? Compartilhe!

Tem alguma dúvida sobre Dermatologia?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.

Comentários

22/05/2014 - Comentário feito por maiza
Me ajudou Muito No meu trabalho De Escola.
Me ajudou Muito No meu trabalho De Escola.

  • Entrar
  • Assinar
O AbcMed® é parte integrante da Plataforma HiDoctor® e é oferecido a você gratuitamente.