Atalho: 599RCAT
Gostou do artigo? Compartilhe!

Cólicas do Recém-nascido

A+ A- Alterar tamanho da letra
Avalie este artigo

O que devo saber sobre as cólicas1?


O bebê que chora, geralmente quer expressar algum tipo de desconforto. Ele pode estar com fome, sede, calor, frio, as fraldas podem estar molhadas ou o choro pode ser sinal2 de alguma dor.
 
Todos os aspectos citados devem ser verificados para aliviar o choro do bebê.

As cólicas1 são muito freqüentes desde o nascimento, principalmente após 15 dias de vida, até o final dos primeiros três meses.

Elas levam o bebê a chorar muito e geralmente ocorrem por volta das 18 às 22 horas.

O neném contrai os músculos3 da barriguinha, fica com o rosto avermelhado, as pernas encolhidas e muito irritado. A impressão que os pais têm é que nada alivia o sofrimento do bebê.


Quais são as causas das cólicas1 do recém-nascido?

As principais causas são:

  • Imaturidade do sistema digestivo4 do bebê.
  • Técnicas incorretas de amamentação5, levando o bebê a ingerir ar durante as mamadas.
  • Uso de fórmulas lácteas em concentrações inadequadas – muito concentradas.
  • Ansiedade e insegurança dos pais.
  • Algum tipo de alergia6 alimentar.

É importante lembrar que os bebês7 que são alimentados com fórmulas lácteas precisam receber uma pequena quantidade de água pura além das mamadas. Já os que são alimentados exclusivamente ao seio8, não precisam receber água, somente o leite materno até o sexto mês de vida.

Não é cientificamente comprovado que a alimentação materna possa gerar cólicas1 no bebê que está amamentando, embora algumas mulheres relatem esta associação.


Como aliviar as cólicas1?


Para proporcionar alívio ao bebê deve-se:

  • Fazer uma massagem no abdome9, seguida da flexão das pernas para ajudar a eliminação de gases.
  • Colocar compressas mornas sobre a barriga -  tomando cuidado com a temperatura para não queimar a pele10 sensível do recém-nascido.
  • Usar técnicas corretas de amamentação5.
  • Dar um banho morno, pois alguns bebês7 sentem-se relaxados e felizes após o banho.

Medicamentos como antiespasmódicos só devem ser usados com a orientação do pediatra que acompanha o neném.

O mais importante é tranqülizar os pais sobre o caráter benigno e passageiro das cólicas1. Elas não oferecem riscos à saúde11, não interferem no crescimento da criança e cedem por volta dos três meses de idade.

 

Fontes:

Sociedade Brasileira de Pediatria

Jornal de Pediatria

ABCMED, 2009. Cólicas do Recém-nascido. Disponível em: <https://www.abc.med.br/p/saude-da-crianca/29553/colicas+do+recem+nascido.htm>. Acesso em: 12 nov. 2019.
Nota ao leitor:
As notas acima são dirigidas principalmente aos leigos em medicina e têm por objetivo destacar os aspectos mais relevantes desse assunto e não visam substituir as orientações do médico, que devem ser tidas como superiores a elas. Sendo assim, elas não devem ser utilizadas para autodiagnóstico ou automedicação nem para subsidiar trabalhos que requeiram rigor científico.

Complementos

1 Cólicas: Dor aguda, produzida pela dilatação ou contração de uma víscera oca (intestino, vesícula biliar, ureter, etc.). Pode ser de início súbito, com exacerbações e períodos de melhora parcial ou total, nos quais o paciente pode estar sentindo-se bem ou apresentar dor leve.
2 Sinal: 1. É uma alteração percebida ou medida por outra pessoa, geralmente um profissional de saúde, sem o relato ou comunicação do paciente. Por exemplo, uma ferida. 2. Som ou gesto que indica algo, indício. 3. Dinheiro que se dá para garantir um contrato.
3 Músculos: Tecidos contráteis que produzem movimentos nos animais.
4 Sistema digestivo: O sistema digestivo ou digestório realiza a digestão, processo que transforma os alimentos em substâncias passíveis de serem absorvidas pelo organismo. Os materiais não absorvidos são eliminados por este sistema. Ele é composto pelo tubo digestivo e por glândulas anexas.
5 Amamentação: Ato da nutriz dar o peito e o lactente mamá-lo diretamente. É um fenômeno psico-sócio-cultural. Dar de mamar a; criar ao peito; aleitar; lactar... A amamentação é uma forma de aleitamento, mas há outras formas.
6 Alergia: Reação inflamatória anormal, perante substâncias (alérgenos) que habitualmente não deveriam produzi-la. Entre estas substâncias encontram-se poeiras ambientais, medicamentos, alimentos etc.
7 Bebês: Lactentes. Inclui o período neonatal e se estende até 1 ano de idade (12 meses).
8 Seio: Em humanos, uma das regiões pareadas na porção anterior do TÓRAX. As mamas consistem das GLÂNDULAS MAMÁRIAS, PELE, MÚSCULOS, TECIDO ADIPOSO e os TECIDOS CONJUNTIVOS.
9 Abdome: Região do corpo que se localiza entre o TÓRAX e a PELVE.
10 Pele: Camada externa do corpo, que o protege do meio ambiente. Composta por DERME e EPIDERME.
11 Saúde: 1. Estado de equilíbrio dinâmico entre o organismo e o seu ambiente, o qual mantém as características estruturais e funcionais do organismo dentro dos limites normais para sua forma de vida e para a sua fase do ciclo vital. 2. Estado de boa disposição física e psíquica; bem-estar. 3. Brinde, saudação que se faz bebendo à saúde de alguém. 4. Força física; robustez, vigor, energia.
Gostou do artigo? Compartilhe!

Tem alguma dúvida sobre Pediatria?

Pergunte diretamente a um especialista

Sua pergunta será enviada aos especialistas do CatalogoMed, veja as dúvidas já respondidas.

Comentários

04/05/2013 - Comentário feito por reidiner
Re: Cólicas do Recém-nascido
Achei tdo bem explicito e otimo ao nosso entendimento. Obg pelas tecnicas... Continuem postando sobre...

10/06/2010 - Comentário feito por Vanda
Re: Cólicas do Recém-nascido
E verdade que alimentos tipo: café, cebola, chocolate, refrigerantes provoca gases, meu filho tem 1 mês e 11 dias.

  • Entrar
  • Assinar